A cura pela hipnose

Dário Seixas nunca cobrou para dar cursos de hipnose, mas lamenta que a técnica seja tão pouco difundida e mal interpretada pela maioria das pessoas. O engenheiro, professor de física e hipnólogo afirma categoricamente que a hipnose é a maior ferramenta para obter autoconfiança e autoconhecimento, porém, por causa da falta de conhecimento e da mídia, as pessoas têm medo. E argumenta com conhecimento de causa. Ele já curou um câncer no pulmão em exatos 28 dias com o poder da autoafirmação em estado hipnótico.

“A ideia de hipnose é única, só existe autohipnose, você só é hipnotizado por que se permite isso”, afirma. “O consciente é a parte mais tenra da nossa mente em termos percentuais e o inconsciente seria o computador máximo, porém não é autossuficiente, não tem determinação, por isso necessita de uma ordem. Quando você entra em hipnose, seu inconsciente parte para aceitar as ideias que você transmite pra ele por intermédio do consciente”, explica Dário, acerca do mecanismo da hipnose na mente humana.

O hipnólogo conta que já foi procurado por um rapaz que tinha muito medo de dentista e precisava fazer um tratamento doloroso. Durante as sessões de hipnose, Dário usou a chamada “ordem pós-hipnótica” e sugeriu ao homem, que quando chegasse ao consultório, após repetir três vezes em pensamento a frase “A palavra é prata, o silêncio é ouro”, sua boca ficaria anestesiada e ele não sentiria nenhuma dor. A técnica foi combinada com o dentista, que deveria falar “acabou” para o paciente desfazer a ordem e voltar para casa normalmente. Dito e feito. O paciente fez todo o tratamento usando a técnica e não sentiu dores.

Dentre as várias utilidades da hipnose, como curar medos e problemas emocionais, a cura física também está presente. Dário conta que não fica mais gripado. Ao sentir os primeiros sintomas, ordena que seus anticorpos combatam a doença e, assim, consegue conter o avanço da virose. Hoje, depois de muitos anos de prática, o engenheiro conta que não precisa nem mais entrar em estado de hipnose para isso. Porém, o caso mais notável na vida do hipnólogo usando a técnica foi a cura de um câncer.

dario

Dário Seixas

Após exames, um médico conhecido de Dário confirmou o diagnóstico: ele estava com câncer no pulmão e deveria ser encaminhado para a retirada dos tumores. Ele então pediu um prazo de 30 dias ao médico. Durante 28 dias, Dário acordava às 2h da manhã, sentava na sala de sua casa, fazia um relaxamento profundo, necessário para entrar em hipnose, e então ordenava ao seu inconsciente e curasse seus órgãos debilitados. Após o período, refez os exames e impressionou seu médico: seus pulmões estavam completamente saudáveis.

Hoje, Dário se emociona ao contar como a hipnose mudou sua vida. Com brilho de menino nos olhos, ele ressalta que não há contra indicação para hipnose e que é um direito de todos fazê-la.

Assista também o depoimento de Dário Seixas contando como se curou de um câncer usando apenas hipnose.

1 Comment

  1. Olá, gostaria de saber o contato do Dário, pois estou conhecendo sobre auto-hipnose, e iniciando a prática, queria saber sobre os cursos que ele ministra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>