Relatos de uma Europa saudável

Cafeteria e chocolateria só de produtos orgânicos no Centro de BruxelasCafeteria e chocolateria só de produtos orgânicos no Centro de Bruxelas

Em cada esquina, uma loja de produtos naturais, biológicos, ecológicos e alimentos orgânicos. A cidade respira, de cima da colina dá para ver: o espaço urbano é projetado sem agredir o que a natureza ali ergueu. A quantidade de prédios, casas, estradas é proporcional aos espaços verdes e arborizados. Prédios altos quase não existem. Um ou outro, e olhe lá. A bicicleta não é transporte de massa, mas é adotada pela massa. Bonde, ônibus, trem e por último se pensa em carro. Então, o ar é limpinho, até cansa menos subir ladeira. Ah…e água da bica é para beber. Aliás, lá, a água, inclusive a engarrafada, não é fluoretada.

Sim, isso é a prateleira de uma farmácia comum em Biel/Bienne.

Sim, isso é a prateleira de uma farmácia comum em Biel/Bienne.

Se alguém me descrevesse um lugar assim há 1 mês, eu certamente não acreditaria na sua existência. Mas existe e eu vivi lá por uns dias. Esse lugar se chama Suíça. Dos 25 dias que passei na Europa, 8 foram na Suíça, principalmente em Bienne/Biel. Além do que descrevi no parágrafo anterior, outro fato bem diferente do comum aqui no Brasil é que na Suíça todas as farmácias são lotadas de produtos naturais: de fitoterápicos à maquiagem sem química. Óleos corporais, tinturas, homeopatia, tudo natural disponível para quem quiser.

Cardápio espcial para celíacos em restaurante Italiano em Londres

Cardápio especial para celíacos em restaurante Italiano em Londres

 

A vida saudável não é privilégio dos suíços. Na Antuérpia, na Bélgica, conhecemos também um mercado de 3 andares que vende apenas produtos orgânicos, naturais e ecológicos, incluindo medicamentos e cosméticos. Lá, a bicicleta realmente impera como meio de transporte.

Para o turista é um tanto chato o curto expediente dos europeus na Bélgica e na Suíça. Às 18h todo comércio está praticamente fechado. Fecha quase tudo. Shopping, supermercado, lojas, farmácias. Porém, para eles isso também é qualidade de vida. O expediente é mais curto que o nosso. Uma de nossas amigas tinha uma folga por semana para cuidar das filhas. Os transportes públicos têm hora para chegar aos pontos, e se atrasa, geralmente um painel avisa quantos minutos irá demorar.

Mas nem tudo são flores, é preciso desromantizar (permitam-me o neologismo) a vida no exterior. Apesar de tudo isso, o povo igualmente precisa das válvulas de escape. Drogas e suicídios me parecem o problema social por lá. Além disso, ouvimos de amigos brasileiros que vivem na Suíça que o câncer por lá também virou uma doença corriqueira.

E apesar de toda essa oferta de coisas saudáveis, há muitos que preferem os industrializados, as alopatias agressivas, a vida pós-moderna e suas comprovações científicas à vida em contato com a natureza, com sua essência. Mas, de fato, para quem despertou para um viver conectado com a terra e consigo, a Europa pode ser um lugar fantástico.

Padaria do mercado de produtos orgânicos e naturais na Antuérpia

Padaria do mercado de produtos orgânicos e naturais na Antuérpia

 

Cafeteria e chocolateria só de produtos orgânicos no Centro de Bruxelas

Cafeteria e chocolateria só de produtos orgânicos no Centro de Bruxelas

 

Na Antuérpia, empresa realiza constante troca das bicicletas públicas

Na Antuérpia, empresa realiza constante troca das bicicletas públicas

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>