Precisamos falar sobre o café da manhã

Healthy breakfast on the table close up; Shutterstock ID 98215301; PO: aol; Job: production; Client: droneHealthy breakfast on the table close up; Shutterstock ID 98215301; PO: aol; Job: production; Client: drone

Há uma ideia de que o café da manhã deve ser a principal refeição do dia. Essa é uma linha de raciocínio preconizada por quase todo nutricionista que conheço. De fato, é uma refeição importante e cheia de valor por conta da memória afetiva que traz, porém nem sempre é tão imprescindível. Vou explicar o porquê, segundo a ótica do ayurveda.

A maioria das pessoas interessadas pelas práticas ayurvédicas sabe que cada pessoa tem um ou dois doshas predominantes na sua constituição, ou seja, ou Vata/Pitta, ou Pitta/Kapha, ou Kapha/Vata. Porém os doshas não estão presentes apenas na nossa constituição. Eles podem ser percebidos nas estações, ambientes, alimentos e também em períodos do dia. De 6h às 10h da manhã, Kapha impera, o período de 10h às 14h é regido por Pitta. Já das 14h às 18h é a vez da parte Vata do dia. Esses períodos se repetem durante a noite. E o que isso tem a ver com o café da manhã?

Acontece que o dosha Kapha é predominante no período em que costumamos a fazer o desjejum (das 6h às 10h), isso significa um momento do dia em que é comum estarmos com nosso agni, fogo digestivo, potencialmente baixo. Não é incomum ouvir pessoas dizendo que não sentem fome pela manhã e comem obrigados. Algumas pessoas sentem fome de fato, por terem ficado o período do sono sem comer.

De certo que o ayurveda não recomenda atitudes iguais para todos, pois entende que cada pessoa é um organismo singular. Agora, algo que é consenso para todas as pessoas é que comer sem fome é uma das práticas mais adoecedoras a longo prazo que existe. Porque se não há fome, provavelmente não há agni. Sem agni, o alimento não é digerido corretamente e gera ama (toxina), que é a origem da maioria das doenças.

teaPessoas que não sentem fome assim que acordam, por volta das 7h, podem aguardar até às 10h para fazer o desjejum, quando começa o período Pitta e o agni começa a aumentar, devendo chegar no seu auge ao meio dia. Se a pessoa for de constituição Vata, é possível que sinta sensação de fraqueza ao ficar sem comer pela manhã, mesmo que não tenha muita fome. Nesses casos, fazer o uso de um chá digestivo como erva doce, camomila, capim limão, 30 minutos antes do café da manhã, pode ser útil para estimular o agni e melhorar a digestão do que será ingerido. Pessoas do dosha Pitta tem o agni mais ativo e provavelmente acordam com fome e nesse caso o café da manhã será digerido normalmente.

Já pessoas do dosha Kapha podem permanecer em jejum até às 10h sem problema, caso não tenham fome. O uso de chá de gengibre nesse período é benéfico e pode estimular também o agni. É aconselhável que os alimentos ingeridos pela manhã sejam nutritivos, porém de fácil digestão. Pessoas do dosha Kapha devem evitar consumir laticínios nesse período e preferir as frutas cozidas, que aliás podem ser consumidos por todos os biotipos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>