O que a farmácia alemã tem que a brasileira não tem

remedios_alemanha

Uma amiga foi para a Alemanha visitar parentes e me perguntou se eu queria alguma coisa. Não. Não pedi nem maquiagem, nem perfume. Pedi mesmo foi remédio. Mas por que? Porque numa farmácia comum alemã você encontra muitos remédios naturais que dificilmente encontrará por aqui.

1 – Probióticos da Symbiopharma. Uma das mais confiáveis produtoras de probióticos do mundo! Esse da foto é o basicão. Uso periodicamente na minha filha e uso também em mim para melhorar a imunidade e recompor a flora intestinal. Probióticos são bactérias do bem. Quanto maior a quantidade delas dentro do nosso intestino, melhor combatemos as más bactérias, melhoramos a permeabilidade intestinal e também nos fortalecemos contra alergias respiratórias.

2 – Hepatodoron da Weleda é um tônico natural para o fígado feito com folhas de uva e folhas de morango. No meu caso, pedi para ela trazer este, pois tenho o fígado dushya como dizemos no ayurveda. É um órgão sensível meu, que necessita de atenção e cuidado. Ele sinaliza que precisa de ajuda quando tenho dores fortes de cabeça com tontura. O Hepatodoron também auxilia na desintoxicação e melhora a digestão.

3 – Vagiflor talvez seja o mais legal. São óvulos vaginais com probióticos para restabelecer a flora íntima da mulher. Eu já queria um desses logo depois do parto da Maria Flor. Mulheres podem sofrer alterações da microbiota vaginal no pós parto e refazer a flora previne e também trata inflamações e candidíase.

4 – Spray para rinite alérgica da Weleda, feito com água, sal, limão e marmelo. A composição foi desenvolvida para fortalecer as membranas nasais e evitar que o contato com agentes alergênicos, como o pólen, por exemplo, desencadeie crises.

Nenhum desses remédios precisa de receita, pois os efeitos adversos são praticamente inexistentes. Apenas o Hepatodoron que precisa mais cautela se a mulher estiver grávida ou amamentando, consulte um médico se for o caso.

Seria tão bom ter esses remédios por aqui, não é. No lugar de tanta química!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>